Material válido para as Turmas ct1P36 / ct2P36 / ad1Q36 Conteúdo do Disciplina Online


Sistemas Aplicativos para MANUFATURA e PRODUÇÃO



Yüklə 117,65 Kb.
səhifə4/7
tarix29.11.2017
ölçüsü117,65 Kb.
1   2   3   4   5   6   7

4Sistemas Aplicativos para MANUFATURA e PRODUÇÃO


Uma vantagem competitiva é criada ou mantida por uma companhia que tem sucesso em agregar valor para os clientes significativamente melhor que seus concorrentes. De acordo com Michael Porter, a vantagem competitiva pode ser criada adotando-se uma ou mais das seguintes estratégias:

As estratégias de custo. Tornando-se uma empresa que consegue baixos custos de produção, poderá reduzir seus preços finais para cativar os clientes. Os concorrentes com custos mais altos não poderão competir com a líder em custos mais baixos e consequentemente preços finais mais baixos.

As estratégias de diferenciação. Algumas empresas criam vantagem competitiva ao distinguir seus produtos com uma ou mais características importantes para seus clientes. Características ou vantagens exclusivas podem justificar diferenças de preço, qualidade, imagem e garantia para estimular ou manter a demanda.

As estratégias de inovação. Produtos ou serviços exclusivos conseguidos com mudanças nos processos empresariais podem provocar mudanças fundamentais na forma de um setor atuar.

As estratégias de crescimento. Expandir significativamente a capacidade de produção, entrar em novos mercados mundiais, conquistar novas áreas, ou associar produtos ou serviços relacionados, pode provocar um salto no crescimento de uma empresa.

As estratégias de aliança. O estabelecimento de novas conexões empresariais e de alianças com clientes, fornecedores, antigos concorrentes, consultores e outras concentrações de empresas (cluster) podem criar vantagem competitiva.

Fazer importantes investimentos em aplicações avançadas de tecnologia de informação que erguem barreiras (virtuais) à entrada de concorrentes internos ou externos ao setor. Desenvolver sistemas de informação interempresariais cuja comodidade e eficiência geram facilidades para clientes ou fornecedores. Por exemplo: incluir componentes de TI em produtos e serviços para tornar a sua substituição por concorrentes mais difíceis. Ou, investir em pessoal, hardware, software, bancos de dados e redes de telecomunicações que permitam acesso tanto aos sistemas transacionais como às aplicações estratégicas.

Numa indústria de aparelhos eletrônicos a área de vendas foi informatizada com o objetivo de realizar mais rapidamente e com menores possibilidades de erros as análises das vendas contendo as diversas estatísticas dessa área, cálculo de comissão de vendedores, elaboração de gráficos de desempenho. A empresa instalou uma rede de microcomputadores Intranet dentro da Organização com uma Extranet envolvendo vendedores, funcionários e clientes. O pessoal da alta e média administração da empresa podia adotar as decisões de modo mais rápido, seguro, lucrativo e com qualidade, pois as informações necessárias à tomada de decisões eram disponibilizadas pela organização.

A área seguinte é a de PCP, ou seja, de programação e controle da produção. A programação da produção deve ser feita de acordo com as necessidades do mercado. Vendas é a área que está em contato direto com o mercado e por isso é necessário que o pessoal do PCP esteja ciente de todas as tendências do mercado e do que está ocorrendo em vendas, em particular com os produtos da empresa. Uma vez feita a programação da produção numa determinada mercadoria, esta era enviada para a área de produção na forma de uma instrução de fabricação.

A gestão dos materiais é de extrema importância. As bases para esta gestão eletrônica se iniciaram com os sistemas do tipo MRP - Materiais Requirement Planning. Estes sistemas primordiais realizavam a explosão de um produto em seus componentes depois gerenciavam os estoques e a necessidade de componentes. O gerenciamento deste tipo é bastante complexo e, além disso, há a necessidade de todo um planejamento financeiro. Neste ponto, a empresa partiu para a utilização bem sucedida do sistema ERP - Enterprise Resource Planning com uso na Extranet.

Por outro lado, internamente, na área de produção existem esquemas de trabalho. Os operários são divididos em turmas, as quais trabalham em turnos (manhã, tarde, noite e fins de semana) e estes são alocados em máquinas. Todo trabalho deve ser contabilizado para efeitos de pagamento de salários, além da contagem da produção, e o que produzido e aprovado é informado como material produzido. Esse material produzido deve ser informado para a área de controle de produção do PCP para que ele dê baixa no que já foi produzido e informe a área de vendas da evolução da produção. O material produzido segue para a área de estoque, embalagem, armazenagem e finalmente expedição ou despacho. Na área de despachos era emitida a nota fiscal que deveria seguir junto com a mercadoria com destino ao cliente.

Caso a área de vendas fosse consultada por algum cliente sobre a mercadoria adquirida isto é, se ele já havia sido expedida ou não, o processo era demorado, pois o vendedor tinha que telefonar para a área de despachos e muitas vezes para a área de produção (PCP) para saber o estado de avanço ou de andamento do pedido do cliente. O volume de informação gerado em cada etapa do processo e do trabalho é muito grande e precisa ser controlado.

O sistema de informação é integrado. A finalidade da sua integração era unificar as informações das diversas áreas da empresa de forma a evitar a repetição de tarefas em áreas diferentes, diminuir a perda de tempo na busca de informações de outras áreas da empresa, facilitar a comunicação e melhorar o nível de desempenho global do empreendimento.

Quando a organização foi instalar uma Intranet que abrangeria toda a empresa, já havia algumas áreas internas, com pequenas redes locais do tipo Novell e algumas das quais com bancos de dados funcionando para essas mesmas áreas da organização. Ao instalar uma Intranet, essa tecnologia não invalida as tecnologias já existentes. A técnica que permite este trabalho conjunto de tecnologias se denomina tunelamento de IP, na Intranet.

As reuniões à distância também foram implementadas e com isso era possível que os diversos gerentes e supervisores tivessem um contato rápido e uma aceleração nas decisões, o que permitiu que se evitassem grandes perdas e simultaneamente se aproveitassem as oportunidades que surgiam com frequência e que não aguardavam a necessidade dos tempos antigos.

Os próximos passos a serem implantados pela empresa envolviam um trabalho mais forte com comércio eletrônico, envolvendo mais os clientes e os fornecedores com a possibilidade de pedido direto deles via Internet. Neste sentido, precisa-se de um sistema de B2C e B2B.



Yüklə 117,65 Kb.

Dostları ilə paylaş:
1   2   3   4   5   6   7




Verilənlər bazası müəlliflik hüququ ilə müdafiə olunur ©muhaz.org 2020
rəhbərliyinə müraciət

    Ana səhifə