O fator Yokai do Evangelho introduçÃo a dimensão espiritual por detrás de certas histórias


UMA ABORDAGEM INICIAL SOBRE O MARAVILHOSO



Yüklə 0,53 Mb.
səhifə3/18
tarix06.09.2018
ölçüsü0,53 Mb.
#77763
1   2   3   4   5   6   7   8   9   ...   18

UMA ABORDAGEM INICIAL SOBRE O MARAVILHOSO


O maravilhoso e o sobrenatural

De uma maneira geral, nos dias de hoje, o termo ‘maravilhoso’ é relacionado ao universo mágico dos contos infantis, possuindo um significado de algo irreal, mentiroso e, por isso, pueril. Porém, tal termo não carrega obrigatoriamente em seu campo semântico a ideia de algo assustador.

Já com o termo ‘sobrenatural’, fenômeno semelhante ocorre, pois também se caracteriza por algo imaginativo e irreal. Acerca disso, vejamos a acepção do citado termo no Dicionário Houaiss da Língua Portuguesa:

1- que ultrapassa o natural, fora das leis naturais, fora do comum; extranatural (poderes s.). 2- que não é conhecido senão pela fé (revelação). 3-muito grande ou intenso; extraordinário; excessivo. 4- sobre-humano (era de uma generosidade). 5- que está além do natural (muitos temem o s.). 6- tudo que é muito extraordinário ou maravilhoso, imaterial, mágico, milagroso, miraculoso. Antônimo de ordinário, vulgar.


A cultura popular porém aproxima o sobrenatural ao pós-morte, ao assombrado, ao aterrorizante e ao assustador.

Na convicção de P. Mabille, os contos maravilhosos constituem, acima de tudo, um testemunho da esperança dos homens, pois, como os historiadores têm mostrado, o mundo medieval era imperfeito, sendo constituído de muito trabalho, pestes e fome.

É interessante ressaltar que nas famílias mais tradicionais japonesas a tarefa de contar histórias era, quase sempre, uma incumbência dos serviçais ou dos mais idosos. Nesse sentido, podemos afirmar que é no folclore e em sua transmissão que as narrativas maravilhosas se constituem. Acreditamos que a permanência de determinados símbolos, imagens e composições narrativas na estrutura profunda do homem está relacionada, pelo menos em parte, a este modo de propagação do maravilhoso. (NIVEA OURA MARTINS).


OS CONTOS KAIDAN E OS ELEMNTOS SOBRENATURAIS


No entanto, os contos kaidan possuem algumas características especiais, que divergem das narrativas maravilhosas, pois são histórias voltadas para a narração de incidentes estranhos e misteriosos, diferentemente de outra literatura nascido no período EDO denominada mukashi banashi, que possui tramas diversas, relatando aventuras, relacionamentos amorosos, conquistas, entre outros. Porém, os dois tipos de narrativas acabam por convergir quando exploram a temática do sobrenatural.

Além disso, assim como ocorre nos mukashi banashi e nos contos de fadas, as narrativas kaidan também possuem mensagens pedagógicas, pois apresentam valores morais e religiosos, embora não seja este o foco principal delas, e da mesma forma, essas histórias também podem ser estudadas em seus aspectos simbólicos.


Distribuídos entre os vinte textos reunidos na obra Kwaidan existem vários elementos sobrenaturais. Cada narrativa tem a pretensão de contar uma história centrada em um dos seres do fantástico do folclore japonês, revelando, para os leitores, o quanto é riquíssimo o tecido cultural do imaginário sobrenatural do povo nipônico.
Para apresentar mais detalhadamente estas aparições sobrenaturais e suas respectivas narrativas, NIVEA OURA MARTINS elaborou um quadro esquemático composto pelo título de cada conto da obra Kwaidan e a manifestação sobrenatural contida no interior de seu texto. Desta forma, objetivamos facilitar a visualização e a identificação de como os elementos extraordinários estão dispostos na obra de Lafcadio Hearn.
Quadro com as narrativas da obra Kwaidan e seus respectivos elementos Sobrenaturais:


Título da Narrativa

Elementos Sobrenaturais







A História de Hôichi-Sem-Orelha

Almas penadas

(Mimi-nashi-Hôichi)










O Casal de Pato-Mandarins

Animal extraordinário

(Oshidori)










A história de Otei

Reencarnação

(Otei)










A Cerejeira Ama de Leite

Árvore extraordinária

(Ubazakura)










Diplomacia

Alma penada

(Hakarigoto)










O Espelho e o Sino

Objetos extraordinários

(Kagami to Kane)










O Comedor de Carne Humana

Yôkai

(Jikininki)










A Criatura sem Face

Yôkai

(Mujina)










O Demônio do Pescoço-Torno

Yôkai

(Rokurokubi)










O Segredo da Morta

Alma penada

(Hômurareta Himitsu)










Mulher-Neve

Yôkai

(Yuki Onna)










A História de Aoyagi

Árvore extraordinária

(Aoyagi Monogatari)










A Cerejeira do 16º. dia

Árvore extraordinária

(Jûroku Zakura)










O sonho de Akinosuke

Inseto

(Akinosuke no Yume)










Riki-Bobo

Reencarnação

(Rikibaka)












O Girassol

Lembrança

(Himawari)










O País de Hôrai

Lugar maravilhoso

(Hôrai)










Borboletas

Insetos

(Chô)










Mosquitos

Insetos

(Hae)










Formigas

Insetos

(Ari)









Nivea catalogou estas narrativas, propondo a divisão dos contos em cinco grandes grupos, classificados pelos temas sobrenaturais presentes nos textos, são eles:



yôkai e almas-penadas;

objetos e animais fantásticos;

reencarnações;

lugar maravilhoso;

e insetos;



Yüklə 0,53 Mb.

Dostları ilə paylaş:
1   2   3   4   5   6   7   8   9   ...   18




Verilənlər bazası müəlliflik hüququ ilə müdafiə olunur ©muhaz.org 2022
rəhbərliyinə müraciət

    Ana səhifə